Kung Fu para crianças: saiba como a arte marcial ajuda no desenvolvimento infantil

O Kung Fu é uma arte marcial que pode ser praticada por pessoas de qualquer idade, mas é importante que o professor conduza as aulas de modo a respeitar o nível de desenvolvimento em que o aluno se encontra — como é o caso do ensino do Kung Fu para crianças.

A arte marcial proporciona diversos benefícios aos pequenos, tornando-os mais seguros, responsáveis e fazendo com que eles aprendam a ser adultos mais disciplinados. Além disso, nos treinamentos, as crianças desenvolvem a capacidade de aprender e de se ajudar.

Considerando que os esportes auxiliam o ser humano tanto fisicamente, quanto emocionalmente, preparamos este post para mostrar os diversos benefícios da prática de Kung Fu para crianças. Acompanhe!

O que a criança aprende na prática do Kung Fu?

O professor mostra à criança o quanto ela consegue evoluir respeitando os seus limites. Durante todo o processo de aprendizagem, ela estará em contato com a filosofia do Kung Fu. Isso ajudará na formação social e também educacional, já que os alunos trabalharão conceitos como valorização, respeito, concentração, calma e autoconfiança.

Com esse esporte, as crianças terão a possibilidade de desenvolver os movimentos, a coordenação motora e a consciência corporal. Além disso, o aluno vai perceber que a agressividade não é a melhor escolha para resolver problemas — conceito que faz parte da filosofia do Kung Fu tradicional.

A partir de ensinamentos como esse, o aluno passará, consequentemente, a ter mais tranquilidade diante de alguns confrontos que ele possa vivenciar com colegas ou professores na escola, por exemplo, entendendo que priorizar os relacionamentos e as atividades em grupo é sempre a melhor saída.

Vale ressaltar que, nas aulas, os alunos têm o professor como um espelho. Conforme vão adquirindo conhecimento sobre a arte marcial, começam a se conhecer física e emocionalmente, passando a descobrir capacidades de evoluir e de realizar coisas que jamais imaginariam que conseguiam. 

Quais são os benefícios das artes marciais na infância?

A cultura oriental, por meio das artes marciais, entra na vida das famílias com o objetivo de fazer a criança ter mais autocontrole, disciplina e para que aprenda desde muito cedo a entender a importância da hierarquia.

Entre os principais benefícios da prática de artes marciais durante a infância, podemos citar:

  • o desenvolvimento dos reflexos;
  • a evolução do condicionamento físico;
  • a melhora da paciência;
  • o desenvolvimento da mobilidade das articulações;
  • o aumento da resistência do corpo;
  • o incentivo do controle emocional.

É importante frisar que a criança pode até obter um tratamento específico durante as aulas, no entanto, será ensinada como uma pessoa com responsabilidades como qualquer outra, estando também sujeita às mesmas regras e cobranças de disciplina que um adulto. Aqui, o objetivo é levá-la a ter limites e atitudes.

Contudo, não se pode esquecer de que o ensino e a prática desse esporte durante a infância precisam de algumas adaptações, sobretudo para evitar riscos de lesões — que em crianças são mais perigosas, visto que os ligamentos ainda estão em processo de desenvolvimento.

As mudanças devem ser realizadas nos exercícios ensinados e também nas técnicas utilizadas a fim de captar a atenção dos alunos. Dessa maneira, é interessante que o professor utilize recursos como conversas e brincadeiras, para aproximar a atividade do universo infantil e deixar o ritmo mais tranquilo.

Como o Kung Fu age nos quatro estágios cognitivos?

O estímulo e aprendizado de atividades físicas específicas se iniciam mais ou menos aos cinco ou seis anos, respeitando sempre a personalidade da criança e também as características da idade.

De acordo com Jean Piaget, o desenvolvimento da criança acontece em quatro estágios, os quais o estudioso chama de fases de transição. São elas:

Sensório-motor (0 – 18 meses) 

Essa é a fase dos reflexos, onde o bebê começa a construir ideias para assimilar o ambiente. É nessa fase que ocorre uma construção das noções de tempo, de espaço e de objeto. 

Pré-operatório (18 meses aos 6 anos) 

Nessa fase, serão desenvolvidos o pensamento representativo e o raciocínio intuitivo. A criança se torna mais centrada em si mesma e não consegue se colocar no lugar do outro. É também a fase dos “por quês”, já que precisam de explicações para tudo.

Aqui, a criança avalia conforme a aparência e não consegue relacionar fatos. Como é egocêntrica, não consegue manter a atenção por muito tempo e não gosta de participar de atividades regradas ou em grupo. 

Operatório concreto (6 aos 12 anos)

Essa fase permite que a criança socialize e interaja com o mundo, portanto, é ideal que ela seja estimulada quanto às noções de espaço, tempo, casualidade, ordem e velocidade. 

A partir dessa etapa, a criança começa também a desenvolver o sentimento de superação e de cooperação, bem como as habilidades de concentração, o que ajuda muito durante atividades específicas como o Kung Fu. 

Operatório formal (a partir dos 12 anos)

Agora é o momento de ter a capacidade de formular hipóteses, de pensar logicamente e de procurar soluções com seus próprios recursos internos.

Durante essa fase, o interesse pela competição é aguçado e a criança está preparada para fazer atividades que possuam regras complexas. Em outras palavras, as estruturas cognitivas chegam ao seu nível mais elevado e os pequenos são capazes de aplicar o raciocínio lógico para resolver qualquer problema.

Segundo essa teoria, percebe-se que a partir dos 6 anos a criança já está em um estágio fundamental para desfrutar de todo o aprendizado do Kung Fu. Isso não quer dizer que não se pode iniciar a atividade antes da idade em questão, mas, como já dissemos, é importante adaptar o esporte.

Diante disso, ficou claro perceber como Kung Fu para crianças pode ser uma ótima ferramenta durante a formação infantil. Por fim, é essencial que os pais participem efetivamente do desenvolvimento na atividade e respeitem sempre a escolha da criança.

Agora que você conhece os benefícios do Kung Fu para o corpo e para a mente dos pequenos, que tal entrar contato agora mesmo com a TSKF e conhecer os nossos serviços? Vamos adorar conversar com você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This